Clique no mineral desejado
multimídia
((clique))
SULFATOS SIMPLES E COM ÂNIONS thenardita
alunita SULFATOS HIDRATADOS
anglesita alúmen potássico
anidrita alunogênio
barita calcantita
brochantita copiapita
caledonita epsomita
celestita gipsita
glauberita halotriquita
jarosita melanterita
linarita thenartita

O enxofre ocorre no estado nativo, como constituinte dos tecidos orgânicos e formando os sulfetos ou os sulfatos, uma vez que o S pode receber dois elétrons para preencher as duas vacâncias situadas na camada eletrônica exterior ( S= sulfetos) com raio iônico de 1,84 Å, ou perder os 6 elétrons, originando íons pequeno, muito carregado, altamente polarizante, positivo (S6+, raio iônico 30 Å). A relação do raio iônico do S6+ com o O (0,226) mostra que a coordenação estável e 4, ou tetraédrica. A ligação S-O desse grupo é bastante forte (1½ de unidade de carga), e covalente em suas propriedades, produzindo grupos ligados apertadamente que não são capazes de compartilhar os oxigênios gerando unidade SO4=, que se constitui na unidade fundamental dos sulfatos.

Os sulfatos anidros mais importantes e mais comuns são os membros do grupo da barita, com grandes cátions bivalentes coordenados com o íons sulfato. A estrutura relativamente simples conduz à simetria ortorrômbica, com clivagem perfeita {001} e {110}. O sulfato de cálcio (anidrita), por causa do tamanho menor do íon Ca, tem estrutura ligeiramente diferente, possuindo três clivagens pinacoidais. As propriedades físicas são em geral conferidas pelo cátion dominante, sendo a densidade diretamente proporcional ao peso atômico do cátion.

Entre os sulfatos hidratados, o gipso é o mais importante e abundante e a sua estrutura, como sugerido pela sua clivagem perfeita {010}, é em folhas, consistindo em camadas de íons Ca e sulfato, separadas por moléculas de água. A perda destas moléculas de água faz com que a estrutura entre em colapso, tomando a configuração da anidrita, com grande diminuição de volume e perda da perfeição da clivagem.

A maioria dos minerais deste subgrupo são ortorrômbicos, tem estrutura em tetraedros e a maior parte é de resíduos de evaporação de águas carregadas de substâncias químicas dissolvidas, formando os evaporitos e produtos de eflorescência.

©Fábio Braz Machado