schorlita

 Foto do Mineral

Forma Cristalográfica
Direções ópticas e cristalográficas

Direções ópticas e cristalográficas

Fórmula Química - Na(Fe,Mn)3Al6B3Si6O27(OH,F)4
Composição -
 3,38 % Na2O, 4,07 % Li2O, 36,15 % Al2O3, 39,33 % SiO2, 11,39 % B2O3, 3,93 % H2O
Cristalografia -
Trigonal
        Classe -
Bipiramidal ditrigonal
Propriedades Ópticas -
Uniaxial negativo
Hábito -
Prismático, estriado, colunar, laminar
Clivagem - Fraca {11-20} e {10-11}
Dureza -
7 a 7,5

Densidade relativa -
3,1 a 3,2
Fratura -
Subconchoidal
Brilho -
Lustroso, vítreo a resinoso
Cor -
Em geral preto
Associação -
Associada a topázio, petalita, espodumênio, fluorita, apatita.
Propriedades Diagnósticas -
Hábito (em geral prismático), seção basal triangular com terminação romboédrica, ausência de clivagem, estrias longitudinais, dureza, testes químicos.  
Ocorrência -
Mineral acessório em granitos, pegmatitos e veios pneumatolíticos. Presente também em rochas metamórficas como produto do metassomtismo de boro ou como resultado de recristalização de grãos dentríticos em rochas sedimentares.. 
Usos - Gema.

Mineral Anterior Voltar para Ciclossilicatos Próximo Mineral

©Fábio Braz Machado